Hoje

Aulas, aulas e mais aulas...

Posts recentes
« CsF: regras brasileiras do pós-doutorado (ou sua falta) conflitam com as regras estrangeiras | Main | Cérebro de elefante, cognição de elefante »
Tuesday
May272014

O cérebro do elefante em números

Saiu o artigo sobre o cérebro do elefante! Queríamos testar nossa hipótese de que o número absoluto de neurônios é um fator limitante à cognição, caso no qual o cérebro do elefante, 3 vezes maior do que o nosso, deveria ainda assim ter menos neurônios do que o cérebro humano. No entanto, o cérebro do elefante tem 3 vezes MAIS neurônios que o nosso - MAS 98% desses neurônios estão no cerebelo. No córtex cerebral, mesmo, são só 5.6 bilhões, cerca de um terço dos nossos 16 bilhões em média. Ou seja: ou está tudo errado (sempre uma possibilidade...), ou aceitamos que o elefante é mais capaz cognitivamente do que nós somos, com seu zilhão de neurônios no cerebelo (difícil de acreditar), ou então de fato é o córtex cerebral que mais importa - o que condiz com a diferença cognitiva entre humanos e elefantes. Eu fico com a última, mas agora vamos aos cetáceos para ver se também eles têm menos neurônios em seus córtices gigantescos do que nós humanos.

(O que fazem tantos neurônios no cerebelo do elefante? Minha aposta está no processamento sensório-motor da tromba)

O artigo, ainda não formatado mas já no texto final e com as figuras, está disponível gratuitamente aqui:
http://journal.frontiersin.org/Journal/10.3389/fnana.2014.00046/abstract

EmailEmail Article to Friend

References (9)

References allow you to track sources for this article, as well as articles that were written in response to this article.

Reader Comments

There are no comments for this journal entry. To create a new comment, use the form below.

PostPost a New Comment

Enter your information below to add a new comment.

My response is on my own website »
Author Email (optional):
Author URL (optional):
Post:
 
Some HTML allowed: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <code> <em> <i> <strike> <strong>