Hoje

Aulas, aulas e mais aulas...

Posts recentes
« Como ser neurocientista? | Main | O que eu não disse no Roda Viva »
Tuesday
Apr022013

Pela profissionalização do cientista

Conversei hoje com um deputado federal que assistiu à minha entrevista no Roda Viva, sensibilizou-se com a causa da não-profissão de Cientista, e quer organizar a jato um dia de apresentações, conversas e discussão na Câmara para regulamentar nossa profissão. Tem um mundo pela frente até chegar lá, mas o futuro já começou!!!

Portanto, peço sua atenção, leigos, "cientistas", jovens ainda-não-oficialmente-cientistas: gostaria de ouvi-los para preparar minha apresentação e pleito pela regulamentação da profissão de cientista para o Congresso! Por favor visitem o link a seguir e preencham o formulário (curto) a respeito. 

Compartilhem este link, por favor! E desde já muito obrigada pelo apoio!

http://www.cerebronosso.bio.br/pela-profissionalizao-do-cient/

EmailEmail Article to Friend

References (12)

References allow you to track sources for this article, as well as articles that were written in response to this article.
  • Response
    Football is definitely a single of the largest sports in America. It has a significant following.
  • Response
    NFL is seriously one of the biggest sports in America. It has a key following.
  • Response
    Football is seriously 1 of the greatest sports in America. It has a significant following.
  • Response
    Awesome page, Maintain the fantastic job. Appreciate it!
  • Response
    Response: Dick Butkus Jersey
    Football is truly one of the most significant sports in America. It has a key following.
  • Response
    A neurocientista de plantão - A neurocientista de plantão - Pela profissionalização do cientista
  • Response
    A neurocientista de plantão - A neurocientista de plantão - Pela profissionalização do cientista
  • Response
    Response: bola tangkas
    A neurocientista de plantão - A neurocientista de plantão - Pela profissionalização do cientista
  • Response
    Response: coc free gems
  • Response
    Response: clash royale hack
  • Response
  • Response

Reader Comments (31)

Preenchi e compartilhei. Este ano abri uma CRO de testes pré-clinicos aqui em Porto Alegre, para poder ser cientista sem ser professora. Muita gente ainda não acha que isso é possível aqui no Brasil. Gostaria de te ajudar nesta empreitada. um abraço, Alice

April 2, 2013 | Unregistered CommenterAlice Viana

O Brasil tem um grande potencial de mentes inteligentes, mas, assim como suas grandes riquezas minerais, ainda são raras e pouco conhecidas. Existem muitos cientistas brasileiros, brilhantes, mas, que brilham em terras estrangeiras. Desejo-lhe pleno sucesso nesta caminhada, pois, o Brasil precisa de gente, de gente inteliGENTE.

April 2, 2013 | Unregistered CommenterRodrigues S

Não respondi porque não sou, nem pretendo ser, pesquisadora, mas apoio integralmente o que acompanho você dizer aqui há algum tempo, pela profissionalização do cientista. E que isso também reflita no "lado contrário", ou seja, aqueles que querem ser professores e não pesquisadores. Eu abandonei uma especialização justamente depois das aulas de metodologia de pesquisa, porque não quis seguir na pesquisa para poder dar aula. Sendo assim, desisti de ser professora. E imagino o que deve ser para os pesquisadores seguir o caminho inverso, tanta coisa para fazer e pesquisar e terem de dar aula porque são obrigados a isso. Espero mesmo que o futuro tenha começado e que, em breve, todos nós comemoremos essa profissionalização tão esperada por vocês. E parabéns pelo começo dessa conquista.

Grande beijo.

April 2, 2013 | Unregistered CommenterCássia

Suzana, parabéns pela iniciativa, parabéns por não ter de depender da concessão de bolsa pelos órgãos de fomento oficiais, criando oportunidades para aqueles que querem realmente pesquisar e não conseguem desenvolver seus talentos e projetos por causa da falta de financiamento público. Não sou pesquisadora atualmente, mas acredito que, para fazer pesquisa, não haja necessidade de fazer pós-graduação, mas sim fazer parte de um grupo de pesquisa, sob a orientação de um pesquisador/cientista reconhecido por seus pares por meio de publicações científicas, da divulgação do conhecimento científico etc. Sem falar nos chamados autodidatas, que, por curiosidade, empenho e recursos financeiros pessoais, conseguem produzir resultados de qualidade (livros, produtos etc.) muitas das vezes sem financiamento de terceiros.

April 3, 2013 | Unregistered CommenterPaloma

Bom dia Drª! Não sou e nem pretendo ser cientista, mas não entendo porque essa "profissão" não é uma profissão de verdade. Sei também que todas as outras profissões regulamentadas o foram graças ao interesse das pessoas pertencentes a classe em questão. Digo isso com a intenção de questionar-la com relação ao seus colegas, ou seja: O que seus colegas estão (nesse momento) fazendo para ajudá-la nessa sua empreitada. Mas de qualquer forma BOA SORTE! Ah! Não podemos esquecer que a CIÊNCIA não é uma coisa que interessa só aos cientistas ( desculpa pelo coisa, falha do meu vocabulário).

April 3, 2013 | Unregistered CommenterOriva

Oi Suzana.
vc conhece a Associação Nacional dos Pós Graduandos?
http://www.anpg.org.br/
Temos feito um debate sobre a questão da Profissionalização do cientista.
Sou estudante da UNICAMP, diretora da ANPG e estamos querendo fazer um debate sério por aqui sobre a profissionalização do cientista e a valorização da pós-graduação no Brasil através de um projeto de lei.
Poderíamos conversar?
Se puder, entre em contato.
Obrigada

April 3, 2013 | Unregistered CommenterCarolina

Senti falta das Ciências Sociais no formulário, acabei marcando "outras".

Acho que seria interessante tentar reunir cientistas de diferentes áreas (sociais, exatas, humanas) para tentar saber como a regulamentação poderia atender às necessidades de cada uma...

April 3, 2013 | Unregistered CommenterIara

Prezada Profa. Herculano-Houzel:

Esta é de fato uma questão muito importante e deve ser debatida seriamente.

Vejo também uma oportunidade para discussão com vários setores e representantes dos cientistas como a Academia Brasileira de Ciências e a Sociedade Brasileira para Progresso da Ciência.

O questionário postado no blog supra-citado deveria ser um fruto de debate com metas antecipadas.

1. Para que esses dados serão usados?
2. Para quem os dados serão apresentados?
3. Haverá representantes dos cientistas na discussão da Câmara?

Seria muito importante deixar claro para a sociedade que há participação maciça dos cientistas brasileiros em relação "a causa" sem envolver motivos meramente pessoais de poucos interessados.

Atenciosamente,

April 3, 2013 | Unregistered CommenterAndré Báfica

Os pesquisadores aqui na minha cidade estão fazendo pesquisa por R$1.200,00, ou nada, porque não tem nada o que fazer, se submetem a ficar no mesmo laboratorio até o pos doc para garantir o seu sustento. Saem despreparados, com uma visão unidirecional, ocupam a vaga de quem está interressado em fazer pesquisa, publicam trabalhos viciados, desvalorizando a classe.
É revoltante.
Você é uma pesquisadora admirável, e espero que não seja comrropida.
Espero que aceite idéias novas, pessoas de outras intituições.
Você pensa diferente, parece que não é acomodade, por isso é tão criticada.
Espero que tenha sorte na regulamentação da profissão.

April 3, 2013 | Unregistered CommenterPriscila

Boa tarde Drª!
Estou tentando comprar seu livro "Pílulas de Neurociência - Para uma Vida Melhor" mas porém não consigo encontra-lo . a última tentativa foi na Livraria SARAIVA que me retornou a seguinte mensagem: " Após diversas tentativas de localizar o(s) item(ns) abaixo relacionado(s), que compõe(m) o seu pedido 17826725, constatamos que o(s) mesmo(s) encontra(m)-se temporariamente esgotado(s) junto aos nossos fornecedores e será(ão) cancelado(s)."

Gostaria, se possível, que me informasse uma outra maneira de adquirir esse livro.

April 5, 2013 | Unregistered CommenterOriva

PostPost a New Comment

Enter your information below to add a new comment.

My response is on my own website »
Author Email (optional):
Author URL (optional):
Post:
 
Some HTML allowed: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <code> <em> <i> <strike> <strong>